terça-feira, 12 de julho de 2016

Os Componentes Eletrônicos

Sem dúvida, em eletrônica, os resistores tem seu papel primordial.

Sabemos que a resistência da passagem de corrente elétrica ou apenas seu retardo, é de fundamental importância para diversas fases da evolução de trabalho em praticamente todos os circuitos eletrônicos existentes no planeta terra.

Os Componentes Eletrônicos são indispensáveis, todos tem seu papel vital em determinados circuitos.

Os resistores são apenas o pilar de uma série de requisitos técnicos de funcionamento eletrônico.



São eles variáveis, fixos e até determinados sensores, como o LDR que tem como sua fonte a Luz, para que sua resistência interna aumente ou diminua.


LDR

Mas, convenhamos, que para a eletrônica, a necessidade de Capacitores são como sinais de trânsito, onde a energia interna, ou tensão elétrica(d.d.p.) possa ter um acúmulo da carga e descarregar no tempo certo.

Os capacitores armazenam energia, com o auxílio de resistores, podemos ter esse acúmulo controlado.

Os circuitos ressonantes ou osciladores tem como base capacitores e resistores.

Mas, capacitores podem trabalhar com outros componentes associados, depende da natureza e grau de situação de cada circuito eletrônico.



Os capacitores podem ser fixos e variáveis.

Assim, para cada necessidade existe um capacitor, o mesmo obedece à regra para cada componente eletrônico.

O controle de carga elétrica é sempre dada por capacitores.

Os diodos são vários, podemos dizer que há um grau infinito de aplicações a esses componentes, são clássicos em eletrônica.


O Leds emitem Luz, o Foto Transistor recebe Luz, os retificadores trabalham com formas de onda, retificando, eliminando parte de ruídos, como chaveadores e outras aplicações.

Os Diacs trabalham com chaveamento, geralmente trabalham juntos com Triacs e SCRs.

TRIAC

SCR

Os transistores tem sua aplicação em quase todos os circuitos eletrônicos.

E suas aplicações podem ser como chaveadores, amplificadores, limitadores e outras.


Os circuitos integrados são basicamente a terceira geração na Eletrônica conhecida.

A Primeira Geração é a Válvula Termoiônica, a Segunda Geração, o Transistor e a Terceira, os Circuitos Integrados.

VÁLVULAS TERMOIÔNICAS

Muitos cogitaram que a terceira geração seria os Microprocessadores.


Mas a Terceira Geração são os Circuitos Integrados e Microprocessadores NEURAIS, rápidos como o pensamento, dependendo da natureza do circuito em si.

NEURAIS

Muitos conhecem as Redes de Dados Neurais, mas já há uma Década que os Transistores e Microprocessadores com capacidade Ultra Rápida de comutação estão em testes, estamos em 2016, há quase 5 anos foi anunciado o Computador mais veloz que o Cérebro Humano.

Hoje está mais que natural que tenhamos em algures escondidos em algum laboratório subterrâneo da Europa ou América do Norte, equipamentos tão rápidos quanto a velocidade da Luz, aos poucos esses equipamentos são anunciados ao público, mas eles EXISTEM.


Em eletrônica ainda existem muitos componentes fundamentais chamados de acessórios, tais como Relé, Chave, sem contar com As Baterias ou Pilhas Voltaicas.


Em Eletrônica Digital temos os Circuitos Integrados CMOS e TTL.

CMOS

TTL

Em Eletrônica Digital existem os Circuitos Combinacionais, sem falar nas inúmeras configurações existentes, pois até mesmo os Microprocessadores tem em seu encapsulamento os Circuitos Integrados, também chamados de C.I. ou IC.


Existem também os transformadores que podem alimentar circuitos, associados a fontes de alimentação, onde temos diodos, capacitores e até indutores.

INDUTORES E TRANSFORMADORES

Para ser Técnico em Eletrônica tem que Estudar muito, e os Estudos nunca Terminam.

Um bom Curso significa boa recepção ao "Ofício", um dom de ser "Eletrônico".

Um bom técnico, não o melhor, apenas um bom, tem muito mais conhecimento que um Engenheiro Eletrônico.

Um bom Técnico sabe Projetar, Calcular e Transformar, para que o Circuito tenha seu papel, que funcione como deveria.

Os componentes eletrônicos existem aos milhares, existem muitos que nunca vi, e tenho Décadas de Profissão.


Em Informática, temos muitos Cursos por aí.

Eletrônica Digital é a evolução mais complexa, mas sem a Eletrônica Analógia, a Eletrônica Digital não funciona, pois temos que ter a fonte e os Periféricos.

Um Bom Curso de Eletrônica Digital se faz de uma vez, mas sempre há inovações, principalmente nos primórdios do Microprocessamento.

Finalizamos esse tópico aqui, mas sempre estaremos voltando ao assunto, seja em circuitos eletrônicos para montar ou em manutenção eletrônica.

Fim.